Tag archive: projeto brasil afroempreendedor

BID e governo federal apoiam projeto Brasil Afroempreendedor
Gallery shortcode is invalid.

BID e governo federal apoiam projeto Brasil Afroempreendedor

A importância do Projeto Brasil Afroempreendedor e o reconhecimento de seu papel na formulação de políticas de desenvolvimento e inclusão estão provocando a mobilização de apoios importantes no Brasil e além das fronteiras do País. O resultado é a construção de parcerias fundamentais para a continuidade e a ampliação do projeto. Nesta terça-feira (8), na Casa Civil da Presidência da República, Palácio do Planalto, governo federal e representantes do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID)comprometeram-se a desenvolver ações para o fortalecimento do empreendedorismo afro-brasileiro. Durante audiência com representantes do Projeto Brasil Afroempreendedor, foram definidas algumas estratégias de apoio aos empreendimentos de negros e negras no Brasil.

Continue lendo

RS firma compromisso com Brasil Afroempreendedor

RS firma compromisso com Brasil Afroempreendedor

O seminário gaúcho do Brasil Afroempreendedor foi uma grande oportunidade para o fortalecimento de parcerias que começaram a ser construídas já em 2012, quando foi realizado o seminário preparatório à elaboração do projeto. Mesmo antes disso, contatos já vinham sendo mantidos com instituições de governo e empreendedores locais para estabelecer o compromisso com essa iniciativa de desenvolvimento local e regional a partir do empreendedorismo. Nestas quinta e sexta, o compromisso foi confirmado e ampliado, não só pela presença ativa dos empreendedores de vários segmentos do campo produtivo, mas também pela presença de representantes de órgãos e instituições do poder público federal, estadual e municipal, que se integraram aos esforços de fortalecimento do projeto e, como consequência, dos empreendimentos de afro-brasileiros. A presença dessas instituições, e o compromisso com a construção das políticas de inclusão a partir do empreendedorismo, fizeram do seminário gaúcho, mais do que um grande ponto de partida para a formação dos empreendedores afro-brasileiros, um compromisso do estado com o projeto. E criaram uma expectativa positiva nos empreendedores com relação às políticas efetivas de fortalecimento de suas iniciativas.

Continue lendo

Seminário Estadual Projeto Brasil Afroempreendedor - Pernambuco

Seminário Estadual do Projeto Brasil Afroempreendedor – Pernambuco

Convite

Se você é um Afroempreendedor/a e busca recursos e oportunidades para competir e crescer, assim como, o fortalecimento seu empreendimento ou negócio junte-se a nós:

Inscrições gratuitas

  1. Capacitação Técnica e Profissional;
  2. Qualificação na Gestão de Empreendimentos;
  3. Acesso a Fundos e Financiamentos de negócios e projetos;
  4. Participação na Rede Brasil de Afroempreendedores;
  5. 12 meses de Qualificação na Metodologia IAB/ ANCEABRA-CEABRA-SP/ SEBRAE;
  6. Desenvolvimento e Revisão do Plano de Negócios e do Planejamento Estratégico de sua empresa ou empreendimento;
  7. Aperfeiçoamento do Processo de Gestão Estratégica e do Marketing Empresarial

Local do evento: Auditório da Academia Santa Gertrudes, Alto da Misericordia S/N, Carmo, Olinda (PE)

15 E 16 DE ABRIL DE 2014
Terça e quarta-feira
Seminário Afroempreendedor de Pernambuco
Para inscrição e detalhes, clique aqui

 

Mais informações e contatos: www.institutoiab.org.br ou pelo fone (41) 3029-0215
ou ainda através do consultor(a) do estado do Pernambuco

 

Realização

SEBRAE, CEABRA, ANCEABRA

Seminário do Brasil Afroempreendedor é nesta semana no Rio Grande do Sul

O Projeto Brasil Afroempreendedor realiza o quinto seminário estadual de seu cronograma em Porto Alegre (RS), nestas quinta e sexta, 3 e 4 de abril. As inscrições e a participação no projeto são gratuitas. Quem ainda não fez suas inscrições no site, pode fazer na quinta-feira, no evento de abertura. Serão 15 meses de acompanhamento, orientação técnica, planejamento de negócios, orientação financeira e de financiamento, além de elaboração de planos de negócios e marketing para seus empreendimentos, com o apoio do Sebrae/RS e da equipe do projeto. O seminário acontece a partir das 8h30min, no auditório da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos (ECT) (Rua Siqueira Campos, 1100, 3o andar, na capital gaúcha).

Continue lendo

Empreendedores querem ser transformadores do sistema

Aos poucos, os empreendedores negros e negras vão absorvendo os objetivos e princípios do Projeto Brasil Afroempreendedor. No seminário do Rio de Janeiro, as palavras rede, coletivo, transformação, fortalecimento, foram tomando conta das falas, incorporadas ou reforçadas pelos empreendedores, palestrantes e equipe do projeto. Mais de 70 pessoas participaram das oficinas do seminário do Rio de Janeiro. A avaliação final foi muito positiva, em função da qualidade geral da atividade.

Continue lendo

Seminário estadual Projeto Brasil Afroempreendedor - Rio de Janeiro

Brasil Afroempreendedor realiza seminário no Rio de Janeiro

O Projeto Brasil Afroempreendedor realiza o quarto seminário estadual de seu cronograma no Rio de Janeiro, nos próximos dias 27 e 28 de março, quinta e sexta-feira. De acordo com pesquisa do SEBRAE divulgada em setembro do ano passado, 30% dos empreendedores negros e negras estão no Sudeste do País. No Rio de Janeiro estão 7% do total, o que equivale a mais de 800 mil dos afroempreendedores brasileiros. É o quarto estado com maior concentração de empreendedores negros e negras do País.

Continue lendo

Encerramento seminário em Santa Catarina
Gallery shortcode is invalid.

Histórias de empreendedores dão vida ao seminário de Santa Catarina

Ao final dos dois dias de trabalho no seminário do Projeto Brasil Afroempreendedor em Santa Catarina, uma certeza se impôs: a iniciativa veio preencher uma lacuna decisiva na vida dos micro e pequenos empresários e microempreendedores individuais afro-brasileiros do estado. Mais do que isso, reuniu empreendedores negros e negros que já tinham necessidade de entrar em contato com outros empreendedores, aumentando seu campo de ação, trocando experiências, apontando para a formação de algo maior do que o seu universo cotidiano. E a proposta de formação de uma rede entre esses empresários, objetivo tão importante no projeto quanto capacitação e qualificação empresarial, mesmo antes de ser formulada pela equipe do projeto, foi estimulada pelos próprios afroempreendedores.

Continue lendo

o prefeito de Florianópolis, Cesar Souza Junior, demonstrou total apoio ao projeto Brasil Afroempreendedor

Prefeito de Florianópolis declara apoio ao Projeto Brasil Afroempreendedor

Durante audiência na tarde desta quarta, 12, o prefeito de Florianópolis, Cesar Souza Junior, demonstrou total apoio ao Projeto Brasil Afroempreendedor. “Temos de ir além do que está sendo feito em termos de inclusão racial, e ir além é apostar na questão econômica, que é muito importante”, ressaltou. O prefeito recebeu o coordenador executivo do projeto, João Carlos Nogueira, a coordenadora da Coordenadoria de Promoção da Igualdade Racial de Florianópolis (COPPIR), Flávia Lima, a presidente do Conselho Municipal de Promoção da Igualdade Racial, Sônia Carvalho, e o consultor nacional do Brasil Afroempreendedor, Amilcar Oliveira.

Continue lendo

Audiência com prefeito de Florianópolis na quarta 12 apresentará o Projeto Brasil Afroempreendedor

Na quinta-feira, 13, e sexta-feira, 14, o Projeto Brasil Afroempreendedor realizará em Santa Catarina o terceiro seminário estadual previsto em sua programação para este ano. São 12 seminários no total, envolvendo 1200 afroempreendedores, que receberão assessoria técnica para o fortalecimento de seus negócios. O seminário será um ato de grande importância, uma vez que reunirá autoridades locais e regionais e parceiros do projeto, além dos técnicos que procederão à formação dos afroempreendedores selecionados para participar da atividade. As inscrições, gratuitas, ainda estão abertas, e devem ser feitas aqui.

Continue lendo

Projeto Brasil Afroempreendedor é lançado na Bahia

O estado tem 12% dos empreendedores negros e negras do Brasil

Nos próximos dias 10 e 11 de abril, o Projeto Brasil Afroempreendedor realiza, em Salvador, um encontro que pretende reunir empreendedores afrodescendentes interessados em uma melhor qualificação dos seus negócios e terem acesso à crédito.  A atividade é a sétima etapa dos 12 seminários que acontecem em todo o Brasil, com apoio do Sebrae nacional, e contará com a presença de especialistas do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID), que estão interessados em conhecer essa iniciativa pioneira.

Continue lendo

Entrevista do João Carlos Nogueira na Rádio CBN

Seminário de Santa Catarina acontece nos dias 13 e 14 de março

Nesta entrevista à rádio CBN, em Florianópolis, transmitida simultaneamente pela RBS TV, o coordenador executivo do Projeto Brasil Afroempreendedor, João Carlos Nogueira, defende a necessidade da inclusão a partir do empreendedorismo para a população negra. A participação aconteceu no programa Notícia na Tarde, com condução do jornalista Renato Igor. O coordenador executivo do projeto aproveitou para divulgar o seminário de Santa Catarina, que acontece nos dias 13 e 14 de março, em Florianópolis. As inscrições já estão abertas, são gratuitas, e podem ser feitas através deste link. São 100 vagas para participar dos dois dias de seminário.

Continue lendo

Seminário estadual do Projeto Brasil Afroempreendedor - Maranhão

Seminário do Maranhão aponta caminhos para o Brasil Afroempreendedor

Apesar de ser apenas o segundo seminário estadual do Projeto Brasil Afroempreendedor, a atividade do Maranhão, encerrada nessa sexta-feira, 21, mostrou alguns caminhos para as edições que acontecerão até maio: várias cadeias produtivas estiveram representadas, como alimentos e cultura, e com algumas novidades, como um coletivo de mulheres que se dedica à marcenaria, com financiamento internacional. Do total, 90% dos participantes foram mulheres.

Continue lendo

Seminário Estadual Maranhão

Seminário do Maranhão encerra-se nesta sexta

Análises de fontes de financiamento e de fomento, elaboração de planos de negócios e o estabelecimento de compromisso com o Projeto Brasil Afroempreendedor são os principais eixos dos trabalhos do segundo e último dia do seminário do projeto Brasil Afroempreendedor em São Luís (MA). Hoje pela manhã os afroempreendedores ouvirão a exposição sobre Organização de planos de Negócios, Fontes de fomento e financiamento. Um trabalho de grupo será realizado em seguida, com orientações sobre organização e elaboração do plano de negócios. Após o almoço, as palestras serão sobre administração e controle financeiro do negócio, gestão de tempo e de recursos. Os afroempreendedores voltam a se reunir e apresentam os resultados de sua primeira aproximação com a elaboração dos planos de negócios. Essa atividade será permanente, ao longo dos quinze meses de acompanhamento dos empreendimentos. A parte final do seminário será reservada para encaminhamentos, orientações e o convite para a assinatura da carta-compromisso com a continuidade do Projeto Brasil Afroempreendedor.

Continue lendo

Seminário Estadual do Projeto Brasil Afroempreendedor – Maranhão

Maranhão recebe segundo seminário do Projeto Brasil Afroempreendedor

Nesta quinta, 20, e sexta, 21 de fevereiro, o Maranhão recebe o segundo seminário estadual do projeto Brasil Afroempreendedor. Outros 10 seminários, em 10 estados, acontecerão até maio deste ano. A atividade acontecerá na capital, São Luís, na Fundação da Memória Republicana do Brasil (ver endereço na programação). A cada edição, a intenção é que pelo menos 100 afroempreendedores participem dos seminários. A meta é que ao final do projeto 500 dos 1200 participantes dos 12 seminários estaduais constituam experiências-modelo para o afroempreendedorismo.

Continue lendo

Projeto oferece capacitação a empreendedores afro-brasileiros (Foto: Luiz França / CMSP)

São Paulo inaugura série de seminários do projeto Brasil Afroempreendedor

Qualidade da participação dos empreendedores marca atividade

O Projeto Brasil Afroempreendedor deu a largada na série de 12 seminários estaduais de formação e capacitação de afroempreendedores em São Paulo, nos dias 13, quinta, e 14, sexta. O seminário foi dividido em dois momentos, com abertura na Câmara Municipal de São Paulo e atividades de capacitação e qualificação na Escola de Sociologia e Política, em São Paulo. Duzentos e cinco afroempreendedores se inscreveram para a atividade. Cerca de 60 empreendedores participaram da atividade durante os dois dias.

Continue lendo

Pequenos passos para grandes negócios

Inscrições para os Seminários Estaduais do Projeto Brasil Afroempreendedor

Inscrições para São Paulo encerradas. PREENCHA A FICHA PARA POSSÍVEIS VAGAS RESERVAS OU CHAMADAS FUTURAS.
Vigentes para os demais Estados participantes.
Inscrições nos outros Estados
Iniciam dia 5 de Fevereiro de 2014, às 14h. Encerram-se 02 (dois) dias antes da data prevista para o início do seminário em cada estado até as 18h*
*Horário de Brasília

POR FAVOR, LEIA COM ATENÇÃO TODOS OS ITENS ATÉ O FINAL

Dúvidas podem ser esclarecidas pelos seguintes telefones (11) 3333-1066 – CEABRA/SP, com Aparecida, ou (41) 3029-0215 – IAB/PR, com Ana ou Gisele

Motivação

Você é um empreendedor afro-brasileiro e gostaria de ganhar mais, desenvolver sua empresa ou negócio e fazer dele um caso de sucesso em nosso país? Então venha participar do Projeto BRASIL AFROEMPREENDEDOR.


O que é o Projeto Brasil Afroempreendedor?

O Projeto Brasil Afroempreendedor é uma ação de combate ao racismo e de promoção da igualdade racial em nosso país. Seu objetivo principal é de dar oportunidade de crescimento e desenvolvimento econômico para empresas e empreendimentos conduzidos por afro-brasileiros. O crescimento e o desenvolvimento desta importante parcela da população brasileira, estimada em 11milhões de empreendedores, vai alavancar e promover o desenvolvimento sustentável e equilibrado de toda o país.

Este é um projeto de capacitação e de qualificação empresarial. Nesta ação, os afroempreendedores terão a oportunidade de estudar (na teoria e na prática) para melhorar seus empreendimentos, aumentar seus lucros e desenvolver seu empreendimento ou negócio.

Depois de participar de um seminário de dois dias, durante 12 meses (em média), o afroempreendedor realizará cursos e outras atividades de capacitação, será acompanhado por técnicos e especialistas que vão contribuir para a elaboração ou readequação do plano de negócios, para entender melhor o mercado e a possibilidades de crescimento da empresa ou do negócio, e passará a integrar uma Rede Nacional de Afroempreendedores.


Quais são os objetivos do Projeto?

  • Dar oportunidade de crescimento e desenvolvimento para milhões de afroempreendedores que não têm acesso ao conhecimento e às tecnologias de planejamento e gestão de negócios, para que possam dar um salto de qualidade em seu sistema de organização, aumentar sua lucratividade e se tornarem casos de sucesso de desenvolvimento do afroemprendedorismo no Brasil e no mundo;
  • Qualificar inicialmente 1.200 afroempreendedores em 12 Estados do Brasil;
  • Construir uma proposta de política pública de apoio e fortalecimento ao afroempreendedorismo brasileiro;
  • Construir uma Rede Nacional de Afroempreendedores;
  • Desenvolver uma metodologia de educação de Afroempreendedores;
  • Buscar fontes de fomento e financiamento para projetos e negócios de empresários e empresárias afroempreendedores;


Como vai funcionar?

Esta é uma das iniciativas de inclusão das populações afro-brasileiras mais ousadas e abrangentes já realizadas no País. Durante dois anos, em 12 estados brasileiros, serão realizadas ações de capacitação e formação de micro e pequenos empresários afro-brasileiros, de microempreendedores individuais afro-brasileiros e de representantes de comunidades negras remanescentes de quilombo.

Mil e duzentos empreendedores participarão incialmente deste processo. A partir dai será criada Rede Nacional de Micro e Pequenos Empresários e Empreendedores Individuais Afro-Brasileiros, focada na troca de experiências, intercâmbios e desenvolvimento de negócios solidários para o fortalecimento econômico deste segmento.

Os projetos selecionados terão acompanhamento específico do SEBRAE e da equipe do projeto, com ações de formação e de capacitação e recursos.

O projeto pretende fornecer as bases para a construção de uma Política Nacional de Fortalecimento do Empreendedorismo Afro-Brasileiro, estruturando propostas de Programas de Apoio aos Empreendedores Afro-Brasileiros.


Quais os direitos e benefícios ofertados?

  • Cursos e capacitações gratuitos e de alta qualidade;
  • Estudos (práticos e teóricos) na Plataforma de Educação a Distância do SEBRAE e de seus parceiros (IAB, ANCEABRA e CEABRAs);
  • Consultorias de administração e gestão de negócios com profissionais e equipe altamente qualificados;
  • Certificação do SEBRAE;
  • Participação na REDE NACIONAL DE AFROEMPREENDEDORES;
  • Apoio na busca de recursos e financiamento do Negócio e de Projetos;
  • Acompanhamento na elaboração ou reelaboração e implantação do Plano de Negócios da empresa ou empreendimento;
  • Apoio e estimulo de uma equipe que conhece profundamente a realidade socioeconômica e racial de nosso país;
  • Ter suas informações e dados protegidas por um contrato de sigilo e confidencialidade.


Quais os deveres dos afroempreendedores?

  • Realizar os cursos a distância do SEBRAE que lhe forem indicados pela equipe de coordenação e educadores do projeto;
  • Realizar integralmente curso de 80 horas sobre afroempreendedorismo, ofertado pelo Instituto IAB, CEABRA-SP e ANCEABRA;
  • Elaborar ou revisar o Plano de Negócios e o Planejamento Estratégico da empresa ou negócio;
  • Aplicar os conhecimentos adquiridos no processo;
  • Participar da REDE BRASIL DE AFROEMPREENDEDORES;
  • Contribuir solidariamente para o apoio e o desenvolvimento do afroempreendedorismo brasileiro;


Como será feita a inscrição?

As inscrições serão feitas de forma eletrônica na página de internet do INSTITUTO ADOPLHO BAUER (www.institutoiab.org.br ). As inscrições são limitadas a somente 100 vagas por estado, nos seguintes estados brasileiros: RS, PR, SC, SP, RJ. MG, BA, PE, PB, MA, AP, GO.

Como são limitadas, as vagas serão preenchidas por ordem de chegada. Os 100 primeiros inscritos que atenderem aos critérios de participação no projeto serão os escolhidos para esta primeira fase;

As 100 vagas respeitarão a seguinte proporcionalidade: serão 70 vagas para empresas ou empresários estabelecidos na capital do Estado em questão; 25 vagas serão destinadas a empresas ou empreendimentos estabelecidos no Interior do Estado; 5 vagas serão direcionadas a membros de Comunidades Tradicionais Quilombolas. Além disso, será respeitado o critério de gênero e 30% das vagas terão que obrigatoriamente ser destinadas a mulheres negras.

O critério de identificação de cor e raça será o mesmo utilizado pelo IBGE, ou seja, a autodeclaração do candidato;


Onde será realizado o projeto?

Em todo o Território Nacional, sendo que, nesta primeira fase, até 2015, em 12 Estados brasileiros: RS, PR, SC, SP, RJ. MG, BA, PE, PB, MA, AP, GO;

Os cursos serão feitos por meio eletrônico, em ambientes virtuais da internet, e as consultorias serão realizadas de preferência no ambiente da empresa ou do negócio do afroempreendedor, ou nos espaços do SEBRAE ou de consultores parceiros;


Quanto vai custar, o que pagarei por isto?

Este é um Projeto GRATUITO. Os cursos e consultorias oferecidos não têm custo para os participantes. No entanto, a ideia fundamental é a solidariedade: cada participante pode depois contribuir para o desenvolvimento de outros afrodescendentes.

Quem está ofertando este Projeto e por quê?

Este Projeto é uma oferta do SEBRAE em parceria com o Instituto Adolpho Bauer (IAB), com o Coletivo dos Empresários e Empreendedores Afro-brasileiros de São Paulo (CEABRA/SP) e com a Associação Nacional dos Coletivos de Afroempreendedores (ANCEABRA).

O curso está sendo oferecido e implementado como projeto piloto para o desenvolvimento de uma proposta de Política Pública Nacional de Fortalecimento do Afroempreendedorismo Brasileiro.


Datas dos seminários estaduais e inscrições

As datas previstas para os seminários estaduais são as seguintes:

São Paulo: 13 e 14 de fevereiro de 2014 Pernambuco: 15 e 16 de abril de 2014
Maranhão: 20 e 21 de fevereiro de 2014 Minas: 08 e 09 de maio de 2014
Santa Catarina: 13 e 14 de março de 2014 Amapá: 15 e 16 de maio de 2014
Rio de Janeiro: 27 e 28 de março de 2014 Goiás:  22 e 23 de maio de 2014
Rio Grande do Sul: 03 e 04 de abril de 2014 Paraná: 29 e 30 de maio de 2014
Bahia: 10 e 11 de abril de 2014 Paraíba: 03 e 04 de junho de 2014

Em cada estado, as inscrições serão encerradas 2 (dois) dias antes da data prevista para o início do seminário.

Inscrições

As inscrições para o Projeto Brasil Afroempreendedor foram encerradas. Agradecemos o seu interesse.

Para mais informações entre em contato conosco pelo e-mail brasilafroempreendedor@institutoiab.org.br

Os participantes, selecionados por ordem de inscrição de acordo com os critérios do projeto, receberão por email a confirmação da inscrição.

Apoiounion iberoamericana de municipalistas

Rodapé com realização

Projeto Brasil Afroempreendedor entra em fase decisiva

O Projeto Brasil Afroempreendedor realiza neste mês de fevereiro os dois primeiros seminários estaduais previstos em seu cronograma. Esta será a largada das principais atividades do projeto, os 12 seminários estaduais que reunirão 1200 afroempreendedores em encontros de qualificação e formação, além da construção da Rede Nacional de Afroempreendedores. O primeiro seminário estadual do projeto será realizado em São Paulo, nos dias 13 e 14 de fevereiro. No mesmo mês, será a vez do Maranhão, nos dias 20 e 21. Outros 10 seminários, em 10 estados, acontecerão até maio deste ano.

Continue lendo

Instalação do Comitê Gestor do projeto Brasil Afroempreendedor

Instalação do Comitê Gestor do projeto Brasil Afroempreendedor será no dia 22 de outubro

Afroempreendedorismo, eu apoio essa ideia!

A reunião de instalação do Comitê Gestor do projeto Brasil Afroempreendedor acontecerá no próximo dia 22 de outubro de 2013, das 14h30min às 17 horas, em Brasília, na sede do SEBRAE Nacional. O Comitê Gestor é um instrumento de aperfeiçoamento de gestão. Terá reuniões regulares e servirá para debater e aperfeiçoar o projeto. Integrarão o Comitê entidades do governo e da sociedade civil. A coordenação do projeto é do Instituto Adolpho Bauer e do CEABRA/SP, mas a gestão será compartilhada com órgãos públicos e entidades da sociedade civil brasileira que desenvolvam ações voltadas para o empreendedorismo e para a economia criativa. Em setembro, convites foram enviados para as entidades que integrarão o Comitê Gestor. Durante a reunião de Brasília, a participação dessas entidades será formalizada.

Continue lendo